06/08/2009

Reutilizando antigas fitas K-7 (parte 2)

image Se você já conseguiu dar jeito aí nos seus antigos disquetes 1.44MB e deu aquela esvaziada no gavetão entulhado de coisas dos anos 80, parabéns pra você – o Meio Ambiente agradece! Mas acontece que muitas pessoas ainda tem entulhado em casa (será por medo?) coisas que simplesmente não vão mais dar uso. Um exemplo dessas bugigangas amadas são as antigas Fitas Cassete...

Para você que tem aí suas fitas K-7, mas não chega a ter um brexó em casa, seguem algumas dicas interessantes pra você dar fim nas suas cartas de antigas namoradas fitas magnéticas Cassete!

imageimageimageimageimageimage
Luminária de mesa da oooMyDesign
(link não possui instruções de montagem!)
image image image

Luminária de piso da OOOMyDesign
(link não possui instruções de montagem!)
image image image

Três “modalidades” estilosas de Luminárias feitas de Fitas Cassete - visite o site dos Designers aqui
(link não possui instruções de montagem!)
image
image
image
image
UPDATE (AGOSTO 2011) Veja isso: http://www.vimeo.com/17098462



Artes com Fita cassete
(pra quem tem mão artística)
image
image
image
image
image

Incrível armário de Fitas Cassete Visite o site do criador do armário aqui
(link não possui instruções de montagem!)
image
image
image

Carteiras bem originais feitas de Fita Cassete
Veja um tutorial para montar a sua carteira aqui
Site em inglês + com imagens passo-a-passo!
image
image

Incrível Porta Fita-adesiva
(à venda no site J-me)
Dimensões: 90 x 140 x 37 mm
(link não possui instruções de montagem!) 
image
image
image
image

Porta Pen Drive para presente
(à venda na SuckUK)
(link não possui instruções de montagem!)
image image image
Sacola plástica (muito loka) (à venda na loja Segredo do Vitorio)
(link não possui instruções para confecção!)
image


Verdades e mentiras sobre a fita-cassete (via SuperInteressante)
  • As fitas de cromo comem o cabeçote.
    Mentira. Elas não são abrasivas. São até mais lisas e atritam menos o cabeçote.
  • Aparelhos de raios X e detectores de metais em aeroportos podem desgravar.
    Mentira. Essa radiação não afeta a orientação magnética da fita.
  • É ruim deixar fitas perto de alto-falantes e televisores.
    Verdade. Os ímãs desses equipamentos podem afetar a gravação.
  • O melhor álcool para limpar cabeçote é o isopropílico.
    Verdade. O álcool isopropílico, à venda nas farmácias de manipulação, tem menos água do que o álcool etílico comum. E a água é a grande inimiga dos cabeçotes.
  • Quando se limpa o cabeçote, o álcool isopropílico pode comer a borrachinha que fica do lado.
    Mentira. O álcool isopropílico não ataca a borracha. É até bom dar uma geral, limpando tudo o que há perto do cabeçote.

E se as antigas fitas k-7 ainda “exercem algum magnetismo sobre você”, então você irá gostar de ver a
Lista de sites sobre fitas K-7
que separei pra você ver e ler…

7 comentários:

  1. Quando temos a consciência que reciclagem é o melhor caminho para salvarmos o resta do mundo, ótimas ideias surgem a todo momento.

    Gostei do post. Muito bom.

    Parabéns!

    Idenaldo

    ResponderExcluir
  2. Obrigado Idenaldo e...
    ...não que é isso aí?
    É um trabalho de formiguinha, cada dá um pitaquinho e o mundo irá produzir menos e menos lixo...

    Valeu o comentário!!
    Grande Abraço Idenaldo,

    ResponderExcluir
  3. Não obtive sucesso na minha dúvida...acho que ninguém tem idéia de como limpar uma fita k7 que solta aquele pó amarelado!

    ResponderExcluir
  4. Desmonte a embalagem com cuidado. Lave o envólucro com água e sabão neutro e remonte. Se seu K7 ainda tem etiqueta, e quer preservá-la, sugiro algodão embebido em água limpa, ou talvez um simples cotonete para remover resíduos.
    :D

    ResponderExcluir
  5. Sensacional!! Não sei como vim parar aqui mas gostei de todas as idéias para reutilizar a fita k7. Parabéns pela iniciativa e valeu pela inspiração!

    Sergio.

    ResponderExcluir
  6. Obrigado Sergio!!
    Volte sempre!

    Abraços,

    ResponderExcluir
  7. Muito legal! Mas eu ainda uso (e curto) as minhas K-7, rsrs!
    Veja: http://leandromd.blogspot.com.br/2012/03/fitas-k-7-originais-do-rock-brazuca.html

    Mas já o sobre os disquetes, no seu outro post, achei bem legal mesmo!

    Parabéns!

    ResponderExcluir